Terça-feira, 28 de Abril de 2009

O síndrome de Luís Freitas Lobo

Olá meus amigos, eu tentei. A sério que sim. Tentei tudo por tudo para esperar pelo fim do Barça-Chelsea e só então escrever este post, mas a verdade é que já não aguento ter que ouvir o Luís Freitas Lobo (comentador desportivo dono de um saco lexical que vai daqui até ao Japão) nem mais um minuto sem escrever estas linhas. E não se preocupem que não vou fazer troça da maneira peculiar que Freitas Lobo tem de falar, ou como ele diria, de fazer a abordagem ao vocábulo, através do processo da linguagem oral resultando assim numa série de conjuntos de sons, que bem organizados resultam naquilo a que se chamam de palavras, que por sua vez irão dar origem a frases, que caso tenham reciprocidade, transformar-se-ão em diálogos. Até porque já fiz isso há uns tempos. Foi aqui. Leiam que vale a pena. Se calhar não. Depende da perspectiva. Se estiverem de lado vale, agora de frente não é muito bonito de se ver. Já visto da Lua também é muito agradável.

O que me leva a escrever este post prende-se com o facto de eu estar para aqui a imaginar como será o grande Freitas Lobo na sua vida sexual. O que ele faz. E acima de tudo o que ele diz. E não, não estou a ser parvo, eu estava mesmo a pensar nisto, embora isso já seja ser parvo. E sim, eu disse que não ia fazer troça da sua forma de falar, mas e vocês ainda acreditam no Pai Natal? Mas, voltando ao que interessa: será que Freitas Lobo tem uma abordagem técnico-táctica equilibrada? Que faz transições suaves ou prefere o contra-ataque, apanhando a sua esposa desprevenida,  será que funciona como uma tábua rotativa, que vai rodando por todos os sectores do terreno? Possuí um sistema dinâmico ou mais estático?  E como serão os diálogos com a esposa ou namorada de Freitas Lobo? Eu cá acho que devem ser assim: "minha cara companheira, devo dizer que todos os espaços do seu corpo estão muito, mas muito bem preenchidos. A transição nádega-anca é perfeita e táctica e esteticamente irrepreensível, com uma tendência a fugir para o meio das costas. Ao nível do peito, quer a ala esquerda, quer a ala direita estão muito fortes e preenchem bem os espaços...os seus movimentos e transições defesa-ataque também estão muito fortes, especialmente ao nível da zona pélvica, onde demonstra ter uma grande cultura táctica. Em suma, é uma mulher e amante completa, de classe mundial." E é melhor ficar-me por aqui porque quero continuar a ter leitores aqui no Hemiciclo.

Desculpem lá este momento de estupidez e parvoíce absolutamente gratuitas e sem qualquer propósito.

Para terminar, e para que não digam que aqui não se fala de cultura e arte, recomendo vivamente a todos vós uma visita ao site oficial do Tony Carreira. Vão ver que vos vai ser bastante útil. A mim, já foi. Como estudante de Design Gráfico fiquei a saber como não se deve fazer um website e como não se deve fazer o lettering para esse mesmo website. Aquelas letras que mais parecem salpicos de sangue são um must. Passem por e vejam. 

Escrito por: João Cacelas às 21:08
Ligação directa | Comentar | favorito
|
21 comentários:
De Amarrotada a 28 de Abril de 2009 às 23:45
Fiz-te comer cheetos que fixe ;)


De João Cacelas a 29 de Abril de 2009 às 14:17
Ah, se fizeste! Comi o pacote todo que foi um instante. :)


De Sheila a 29 de Abril de 2009 às 00:16

Muito bom!
Beijinhos


De João Cacelas a 29 de Abril de 2009 às 14:18
Obrigado. E volta sempre. :)
Beijinhos.


De Treze a 29 de Abril de 2009 às 01:32
Estive para escrever (mais) um post sobre o LFL após o jogo após tê-lo ouvido referenciar o Xavi como "um jogador que foge aos cânones do pop-star" ao invés de dizer somente "um jogador discreto".

Excelente texto sobre um brilhante e virtuoso observador técnico-táctico das ocorrências e incidências grupais de 11 elementos de parte a parte sobre o grande rectângulo verdescente.

PS: Não é estupidez nem parvoíce e muito menos sem propósito. Tal como o LFL, é bem pertinente! :D


De João Cacelas a 29 de Abril de 2009 às 14:19
Essa parte do jogador que foge aos cânones do futebolista pop-star foi, para mim, o momento alto do jogo. Uma jogada de génio por parte do LFL, capaz de fazer um tal de Messi corar. :)


De luciaII a 29 de Abril de 2009 às 09:54
K HORROR! o site do tony....que coisa medonha...epa verdade que eu não gosto do senhor mas o site esta fraquinho..esta bem que não percebo nada de criação de sites...não gosto pronto...e aquela musiquinha de entrada uiiiiiiiiiiiiiii...


De João Cacelas a 29 de Abril de 2009 às 14:23
Pois, em relação à música, a culpa é minha. Esqueci-me de vos alertar para desligarem o som antes de entrar no site. Por isso, peço desculpa.
Quanto ao site...como futuro designer gráfico e possivelmente web designer (embora não esteja muito virado para os sites) só posso dizer umas coisa sacerca do site do Tony: é foleiro até mais não. Aquelas letras são um atentado ao bom gosto e a todos os autores dos bons tipos de letra que existiram ao longo da História. Em suma, é muito foleiro.


De Treze a 29 de Abril de 2009 às 15:24
Tu não me digas que no futuro te vais oferecer para fazer o site do Tony?


De João Cacelas a 29 de Abril de 2009 às 19:02
Trabalho é trabalho e lá que era um desafio e pêras lá isso era. Mas, respondo à tua pergunta da forma mais sincera possível: à partida não, mas nunca se pode dizer nunca. Até porque era um grande desafio, transformar aquilo numa coisa interessante.


De Maria a 29 de Abril de 2009 às 12:47
O que tu foste imaginar... O virtuosismo dos pormenores deixa-nos de água na boca... Mas só mesmo água, porque de resto alertou-me para não ver jogos de futebol com o dito senhor, não vá a imaginação tecê-las :D

Quanto ao site do Tony... O Flash faz maravilhas. Mas neste caso não, em absoluto :D

;)


De João Cacelas a 29 de Abril de 2009 às 14:26
Eu acho fabuloso ver jogos comentados pelo Freitas Lobo. Qualquer jogo. As pérolas que encontramos nos seus comentários são autênticas preciosidades e leva-nos para uma outra dimensão, algo que vai para além do terrestre, ou como ele ontem disse acerca do jogo, os comentários de Freitas Lobo elevam-nos à dimensão dos Deuses. A isso e a pensamentos como aquele que me fez escrever este post... :)
Quanto ao Tony, digamos que o site é o reflexo do "artista". ;)


De Treze a 29 de Abril de 2009 às 15:27
Muito pelo contrário, alerta para se VER (de preferência APENAS) jogos com este senhor como comentador...


De Hugo a 30 de Abril de 2009 às 10:04
Uma descrição irrepreensível e esplendorosa. :)


De João Cacelas a 30 de Abril de 2009 às 12:19
Ainda assim, não está à altura do grande LFL.


De Minhoto a 25 de Junho de 2009 às 22:51
É a evolução do homo-futebolecus que começou com o Gabriel Alves .


De João Cacelas a 28 de Junho de 2009 às 14:13
Penso que sim, que está certo.


De Indíviduo que deseja colocar um comentário, mas que como é envergonhado e tímido, prefere manter assim o anonimato... a 28 de Junho de 2009 às 02:59
és um grande atrasado mental


De João Cacelas a 28 de Junho de 2009 às 14:14
Então somos dois, com a diferença que eu tenho nome e tu não, colocando-me num nível de retardação mental um pouco acima do teu, que está mesmo, mesmo lá em baixo.
Mas, obrigado pelo carinho, meu caro "congénere".


De Maria a 4 de Julho de 2009 às 20:26
Quando lemos este texto, podemos chamar muitas coisas ao seu autor, menos "atrasado mental"...quanto a quem escreveu este comentário já a coisa é diferente.
Olhe João, para identificar um anónimo, não deveria escrever apenas " individuo tímido e envergonhado".Ficava mais correcto, acrescentar estúpido ou até mesmo (assim para chocar e impedir comentários parvos) "atrasado mental" ou então como diria esse grande Bruno Aleixo "retardado mental" .
Este blog é de humor...haja paciência !
És grande João!


De Maria a 4 de Julho de 2009 às 20:28
Peço desculpa... O Bruno Aleixo diria "vagaroso mental"...assim é que é :)


Acha este texto mais ou menos aceitável? Então comente!

.Os oradores:

.Translator (para coisinhos de outros países e planetas)

.Abril 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
13
14
15
16
17

18
19
20
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.Caso queira pesquisar sobre coisas, assuntos ou temas:

 

.Intervenções mais velhotas, assim a cheirar a mofo:

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

.Intervenções recentes:

. O próximo talent show de ...

. Postgrama (post+telegrama...

. À conversa com Jesus (o J...

. Há precisamente um ano es...

. Passos Coelho é o novo pr...

. Dia mundial da Poesia com...

. As birras dos meninos na ...

. Antevisão do Marselha-Ben...

. As homenagens póstumas em...

. Mais uma bomba de Sócrate...

. Um "problema" chamado Már...

. A Playboy portuga e outra...

. Os sabores das batatas fr...

. Os verdadeiros motivos po...

. Viva

.tags

. todas as tags

.Cuscas e cuscos (ladies first)

Counters
Counters
Creative Commons License
O Hemiciclo by João Cacelas is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a Obras Derivadas 2.5 Portugal License.

.O meu e-mail, ou melhor emel. Caso queiram deixar alguma sugestão ou crítica, enviem para aqui:

joao_cacelas@hotmail.com

.subscrever feeds