Terça-feira, 30 de Março de 2010

Há precisamente um ano escrevi este post

«Viva, depois de Fátima Felgueiras e Valentim Loureiro eis mais um autarca "manhoso" que se safou (e à grande): Avelino Ferreira Torres, homem sério, de grande postura cujo "hobbie" é pontapear tudo o que lhe apareça à frente. E o que é que eu tenho a dizer sobre isto? Nada. É que nem tenho palavras. Mas tenho uma imagem. Onde? Aqui:

Montagem (adaptada do filme "Este país não é para velhos): João Cacelas

 

Portugal já começa a parecer um filme, não é? Eu cá acho que sim.

 

Nota: Para quem não conseguir ler o que está escrito em baixo, é o seguinte: "Um hino à corrupção in Revista do Colarinho Branco" e "Em Roma sê romano. Em Portugal sê malandro".»

 

Caso TVI, Taguspark, administradores da PT envolvidos em maroscas, pequenos-almoços com o Figo, jornalistas que são problemas a resolver, negócios estranhos com o Magalhães, sucateiros generosos, caixas de robalos, centros de mesa de prata, Armando Vara, enfim...um ano volvido e o filme continua igual...e os protagonistas também (pelo menos grande parte deles).

Escrito por: João Cacelas às 12:43
Ligação directa | Comentar | Os que já comentaram (10) | favorito
|
Sexta-feira, 19 de Março de 2010

Dia mundial da Poesia com uma adaptação dos "putos" de Ary dos Santos

Vós sabeis que brevemente é o dia mundial da Poesia, certo? E que por todo o país haverá momentos de celebração da poesia, sendo um deles o concerto do projecto Rua da Saudade, onde Susana Félix, Viviane, Mafalda Arnauth e Luanda Cozetti cantam poemas do grande Ary dos Santos.

Ora, não sabendo cantar nem recitar, tomei a liberdade de celebrar o dia da Poesia de uma forma um pouco peculiar: adaptando o famoso poema de Ary dos Santos - "Os Putos" - para uma versão mais adequada relativamente aos dias que correm. Cá vai.

 

Os Corruptos

 

Uma caixa de robalos, chicharros

Um relógio Montblanc, coisa barata

Um negócio traquina, uns barcos

E o Godinho a lucrar, na sucata

 

O ex-gestor ganha bónus de milhões

Um pardal de gravata, astuto

Que até aldrabou um dos patrões

E vai ser julgado como corrupto

 

Parecem bandos de pardais à solta

Os corruptos, os corruptos

Banqueiros, políticos, empresários, da alta
Os corruptos, os corruptos
Mas quando a mentira cai

E se descobre a verdade
Sentam-se ao colo do pai
E juram honestidade
Em comissões de inquérito
Nunca sabem de nada
São os corruptos deste povo
A aprenderem a ser boys

 

Uma licenciatura dominical

Basta um fax e é-se engenheiro

É só saber inglês "technical"

E ter um amigo reitor é bem porreiro

 

Parecem bandos de pardais à solta

Os corruptos, os corruptos

Banqueiros, políticos, empresários, da alta

Os corruptos, os corruptos

 

Nota: desculpa lá qualquer coisinha, ó Poesia.

Escrito por: João Cacelas às 20:25
Ligação directa | Comentar | Os que já comentaram (13) | favorito
|
Sexta-feira, 6 de Novembro de 2009

O regresso da Popota e a Face Oculta

Olá coisos, antes de começar com isto queria-vos falar da Fábrica de Letras, que é um blog extremamente coiso, onde vários bloggers se juntam para escrever sobre coisas. Têm dúvidas? Carreguem no link que a mim ninguém me paga para dar explicações.
Como em qualquer fábrica de Portugal, ninguém vos vai pagar nada pelo trabalho que fizerem, mas sempre é uma boa maneira de se darem a conhecer ao Mundo e ao Samouco. E eles nem são muito exigentes, tendo em conta que aqui o estarola recebeu um convite da Fábrica. Mas também não é para irem para lá escrever porcaria, não me deixem ficar mal.
Passando a coisas mais sérias...parece que a Popota está de regresso, não é? Logo agora que já tinha passado a febre eleitoral e que Portugal parecia estar a tornar-se num sítio menos desagradável para viver é que o simpático hipopótamo fêmea cor-de-rosa "choque", cheio de gloss se lembra de voltar para nos azucrinar o juízo...e com uma adaptação parva de uma música dos Buraka Som Sistema.
Francamente, não compreendo como é que alguém se foi lembrar de agarrar num hipopótamo, o animal que mais pessoas mata em África, que cheira mal, é agressivo, feio e um grande javardola e o espeta na campanha de Natal do Modelo, tornando-o amigo das criancinhas todas. Deve ter sido assim:
- "É pá, isto o que ficava giro era arranjarmos uma mascote para as nossas campanhas de Natal, um animal qualquer. Alguém tem sugestões?"
- " Um Koala? Um Panda? O Paulo Rangel? Olha que tem uma voz engraçada. Um Bambi? Uma Coruja?"
- "Não pá, isso é tudo muito batido. Tem que ser um bicho que marque as pessoas, como o Alberto João Jardim mas com mais dentes e inteligência..."
E assim nasceu a Popota. O cor-de-rosa foi só para lhe dar um ar fofo.
Deixemos as coisas sérias e passemos para o inesgotável campo da parvoíce para abordar o mais recente caso de corrupção em Portugal: o processo Face Oculta.
Nem é bem para falar do processo per se, mas sim para dizer a quem passa a vida a dizer que Portugal não presta e que fica nos últimos lugares de tudo o que é ranking, que experimente fazer um sobre políticos e administradores corruptos só para ver quem é que fica no topo...
Houvesse as Olimpíadas da Corrupção e Portugal seria um sério candidato ao ouro. Com Vale e Azevedo na maratona processual, Major Valentim Loureiro no lançamento do electrodoméstico, Fátima Felgueiras nos 100 metros com saco azul às costas e Isaltino Morais no salto ao fisco, não havia quem nos batesse.
E mais: querem uma mascote para este Natal? Contratem a figura central do processo Face Oculta - Manuel Godinho - que mete a Popota a um canto, assim muito bem arrumadinha.
Sim senhor, que não é cor-de-rosa mas enquanto a Popota se limita a dar bonecada, o Godinho oferece Mercedes SL-500, casas e dinheiro "vivo" à malta. Há quem o chame corrupto, eu cá acho que é um tipo muito generoso e um amigo do caraças.
Escrito por: João Cacelas às 18:50
Ligação directa | Comentar | Os que já comentaram (15) | favorito
|
Terça-feira, 1 de Setembro de 2009

"Autarcas Sacanas sem Lei"

Todos vós sabeis que estreou na passada semana a mais recente obra-prima de Quentin Tarantino, "Sacanas sem Lei"*, certo? O vocês não sabem é que, além de "Sacanas sem Lei", estreou outro filme do realizador americano, em exclusivo para o mercado português! Ah, pois é! A película chama-se "Autarcas Sacanas sem Lei" e conta a história de uma brigada secreta de autarcas corruptos que têm como missão desviar o maior montante possível de dinheiros públicos para as suas contas pessoais. A brigada, liderada pelo Major Valentim Loureiro, conta ainda com Isaltino "The Innocent" Morais e Avelino "Biqueirada" Ferreira Torres.
Além destes três estarolas, temos a agente dupla Fátima "A Santa" Felgueiras, que se vai fazendo de boazinha, enquanto enche a sua conta bancária à custa do seu charme, com que facilmente engana os eleitores.
Para lavar os dinheiros públicos desviados pelos autarcas sacanas, existe Alberto João Jardim, que se vestiu de travesti (de nome artístico Albertona) no Carnaval da Madeira e gostou de tal maneira da experiência que agora não quer outra coisa, tendo até aberto um cabaret. É precisamente no seu cabaret que o dinheiro é lavado. João Jardim ajuda os autarcas sacanas porque estes prometeram que depois de terminada a sua missão, o ajudariam a expulsar o comunismo da Madeira.
"Autarcas Sacanas sem Lei", um filme realizado por Quentin Tarantino em exclusivo para Portugal, estreia brevemente, num cinema perto de si.
Montagem: João Cacelas
 
*título original: "Inglourious Basterds"
Escrito por: João Cacelas às 18:12
Ligação directa | Comentar | Os que já comentaram (16) | favorito
|
Terça-feira, 31 de Março de 2009

Isto do Freeport começa a soar para o estranho

O escritório da advogada do homem que denunciou o caso Freeport foi assaltado esta madrugada, tendo sido roubado o computador portátil que continha documentos importantes do processo.

Mas tu queres ver que...não, não pode ser. Será que foram "altos poderes" a ordenar este "assalto"?

Esta coisa do caso Freeport já começa a parecer uma telenovela. Acho que a malta da TVI podia começar a tratar disso, punham aquela música do Jorge Palma, o "Deixa-me Rir" no genérico e a Rita Pereira a fazer de José Sócrates. Acho que era porreiro, pá. 

Ou então, caso se comprove a culpa do primeiro-ministro a SIC que faça uma minissérie ao estilo "Godfather", tipo assim: 

Montagem: João Cacelas.

 

Nota: Escrevi que devia ser a SIC fazer a minissérie e não a TVI porque neste campo a SIC dá mais cartas. Basta ver pela amostra d' A Vida Privada de Salazar. Ainda vínhamos a descobrir que Sócrates era um garanhão e que assinou os papéis para a autorização da construção do Freeport na banheira.

Nota 2: Engenheiro Sócrates, não me leve a mal por esta montagem. Isto é apenas uma suposição, SE o senhor tiver algumas culpas na coisa. Não estou a dizer que tem, ok?

Escrito por: João Cacelas às 20:23
Ligação directa | Comentar | Os que já comentaram (12) | favorito
|
Sexta-feira, 27 de Março de 2009

Mais um que se safou

Viva, depois de Fátima Felgueiras e Valentim Loureiro eis mais um autarca "manhoso" que se safou (e à grande): Avelino Ferreira Torres, homem sério, de grande postura cujo "hobbie" é pontapear tudo o que lhe apareça à frente. E o que é que eu tenho a dizer sobre isto? Nada. É que nem tenho palavras. Mas tenho uma imagem. Onde? Aqui:

Montagem (adaptada do filme "Este país não é para velhos): João Cacelas

 

Portugal já começa a parecer um filme, não é? Eu cá acho que sim.

 

Nota: Para quem não conseguir ler o que está escrito em baixo, é o seguinte: "Um hino à corrupção in Revista do Colarinho Branco" e "Em Roma sê romano. Em Portugal sê malandro".

Escrito por: João Cacelas às 21:03
Ligação directa | Comentar | Os que já comentaram (22) | favorito
|
Terça-feira, 27 de Janeiro de 2009

Mais um caso de corrupção em Portugal

"Escolas de condução de Lisboa suspeitas de corrupção" in Sapo Motores.

Pois é, parece que em Lisboa há escolas de condução que dão uma "mãozinha" aos seus alunos para estes conseguirem a carta de condução mais depressa e sem chatices. É só passarem um cheque (também devem aceitar numerário) ao examinador que estão passados e com a carta nas mãos. 

Agora já começo a entender porque é que grande parte dos condutores lisboetas são uns maçaricos do catano*...

 

* Claro que todos os leitores deste blog que são de Lisboa não estão incluídos neste grupo pois são, de longe, os melhores condutores do Mundo e quiçá do Universo.

Escrito por: João Cacelas às 17:17
Ligação directa | Comentar | favorito
|
Terça-feira, 13 de Maio de 2008

Apito Dourado

Eu até sou um tipo que gosta de factos, assuntos, temas e coisas. E como tal, ontem resolvi visionar um pouco do programa "Prós e Contras", da RêTêPê Um, que como todos nós sabemos está incluído na categoria das "coisas", das "coisas/barracadas" para ser mais concreto. Acho que há mais gritaria durante as cerca de 2h30m daquele programa do que num casamento cigano durante 3 dias. Ontem o tema era o "Apito Dourado". Confesso que assim que ouvi qual era o tema pensei: "hmmm...vem aí coisa e da grossa" - se é que me entendem.

E o que é certo é que houve mesmo coisa, e da grossa.

Para começar, a voz do Major Valentim Loureiro. Não sei o que seria mais agradável de ouvir num pôr-do-sol, em clima de romance com a pessoa que amamos: se o último cd dos Korn, se o Major Valentim Loureiro a praguejar, que é como ele fala. Ou melhor, as pessoas normais falam, os Majores Valentins Loureiros praguejam. Mas também, como é espécie protegida e só há um no Mundo, deixem-no praguejar à vontade e dêem-lhe assim de vez em quando um pacotinho de cacauetes para ele se entreter a mastigar que ele gosta. Mas em relação ao pôr-do-sol e ao que seria mais agradável/romântico ouvir, entre Korn e Major, a resposta é: NENHUM DOS DOIS. Mas se me dessem a escolher (como quem diz, se me apontassem uma arma à cabeça) escolhia os Korn. Ah, não, espera lá que quem faz coisas desse calibre e  ameaça pessoas é o Major, pronto vá, escolhia, perdão, escolho! Escolho o grande Major! Viva o Major e à sua terna e doce e muito, muito meiguinha maneira de falar!!

A outra parte gira foi quando se falou do estado em que o futebol português se encontra actualmente. Parece que dizem que é corrupto, o sacana. Imagine-se! Corrupto! O futebol português corrupto! Ah! Que essa é boa! Quem é que foi o sacana que teve a ousadia de afirmar tal coisa?! Como é que se pode dizer que o futebol português é corrupto?! Isso é falso!! Porque corrupção e futebol português são sinónimos, são uma e a mesma coisa. O futebol e a corrupção já andam juntos desde o Liceu, casaram-se e já fizeram as bodas de diamante. É um relacionamento longo, desde os tempos do Regime, quando o SLB era fortemente favorecido por Salazar, portanto não me venham dizer que o futebol português só agora está corrupto e podre. Ele já nasceu foi corrupto. E não só em Portugal, mas como em todo o Mundo. A Espanha só ganhou o Europeu de 58 porque o General Franco teve uma "conversinha" com o árbitro antes da final da prova. O Real Madrid das décadas de 50 e 60 pode ter sido um grande clube, mas não foram só Pusckas e Di Stefano que contríbuiram para isso, o maior obreiro desses feitos foi o General Franco. Em Itália recentemente viu-se o que viu, com a Juventus a descer de divisão.

Resumindo e concluíndo: não é apenas o futebol português que está podre, que é corrupto. É todo o futebol mundial e já não é de agora, mas sim de muitas e muitas décadas de podridão.... a começar no presidente da FIFA, Sep Blatter que é do pior que há. O Pinto da Costa ao pé deste senhor é um menino de coro, acreditem.

Para terminar, até porque já me alonguei demasiado, queria acrescentar que a sentença do "Apito Dourado" não "faz história" nenhuma, como ontem afirmou a apresentadora do "Prós e Contras", por vários motivos, que passo a enunciar: em 1º lugar, de certeza que já não é a 1ª vez que o Boavista vai descer de divisão; equipas com pontos subtraídos, já houve em Itália há 2 anos; dirigentes suspensos e que têm que pagar multas é o prato do dia. Se quisessem ter feito história era terem posto todos os arguidos condenados, virados para a parede, num cantinho dos estádios dos respectivos clubes e obrigá-los a dizer um milhão de vezes "prometo que nunca mais sou corrupto, nem ofereço meninas aos senhores árbitros".

Aí sim, tinha-se feito história. E da grande.

Escrito por: João Cacelas às 09:42
Ligação directa | Comentar | Os que já comentaram (2) | favorito
|

.Os oradores:

.Translator (para coisinhos de outros países e planetas)

.Abril 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
13
14
15
16
17

18
19
20
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.Caso queira pesquisar sobre coisas, assuntos ou temas:

 

.Intervenções mais velhotas, assim a cheirar a mofo:

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

.Intervenções recentes:

. Há precisamente um ano es...

. Dia mundial da Poesia com...

. O regresso da Popota e a ...

. "Autarcas Sacanas sem Lei...

. Isto do Freeport começa a...

. Mais um que se safou

. Mais um caso de corrupção...

. Apito Dourado

.tags

. todas as tags

.Cuscas e cuscos (ladies first)

Counters
Counters
Creative Commons License
O Hemiciclo by João Cacelas is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a Obras Derivadas 2.5 Portugal License.

.O meu e-mail, ou melhor emel. Caso queiram deixar alguma sugestão ou crítica, enviem para aqui:

joao_cacelas@hotmail.com

.subscrever feeds