Sexta-feira, 6 de Fevereiro de 2009

Parece que agora a crise virou desculpa para tudo

É certo e sabido que o Mundo atravessa uma grande crise nos dias que correm. Uma crise como nunca antes se tinha visto, sem quaisquer precedentes, que atingiu de facto todo o mundo, sem excepção.

Também sabemos que graças à dita crise têm havido centenas de milhares de despedimentos em todo o Mundo. E se é certo que muitos desses foram justificados também não é menos verdade que a "desculpa" da crise também "ajudou" a despedir muito boa gente. A ocasião faz o ladrão, como diria o outro. Mas e se a crise começa mesmo a ser desculpa para tudo e tudo e tudo? "Como assim, João?", perguntam vocês. Então...assim:

- Ai Manuel estou cá com uns calores...anda homem, chega-te aqui para o pé de mim...

- Então mas ó mulher, se estás com calor, tenho é que me afastar, não é?

- Ah, não sejas bruto, homem! Anda cá que eu estou a arder...

- Ó mulher, não me apetece nada disso! Esta crise deixa-me sem vontade nenhuma disso...

Ou assim:

- Posso saber quem é que foi o espertinho que andou a tirar cópias do rabo na fotocopiadora dos Recursos Humanos?!

- Nós não fomos chefe...mas ouvi dizer há pouco que a culpada foi uma tal de crise. Parece que é nova aqui, chegou há uns meses.

 

Escrito por: João Cacelas às 16:42
Ligação directa | Comentar | Os que já comentaram (12) | favorito
|
Sexta-feira, 30 de Janeiro de 2009

Mais uma pérola do CR7

Cristiano Ronaldo, vulgo CR7, até pode saber jogar à bola como poucos, mas deve muito pouco ao intelecto, mas é que mesmo pouquinho e nesta semana que passou tivemos mais um exemplo disso mesmo. 

Falo das afirmações em que este diz que 100 milhões de Euros (ou mais) é um valor perfeitamente normal para se dar por um jogador de futebol. Hello?! Ronaldo?! Já ouviste falar numa coisa chamada crise? Hum?? Olha que nem todos ganham o teu ordenado, há por aí muito boa gente a ganhar uma miséria e que possivelmente faz coisas muito mais úteis para a sociedade do que tu fazes, como diria o outro. E mais, sendo tu originário de um país onde cerca de 10% da população está desempregada e o ordenado mínimo é de 450 Euros, não achas que devias ter mais cuidado com o que dizes? Estás aí um rico "embaixador da pátria", estás. Acerca deste comentário de Ronaldo, quero ainda acrescentar que Metzelder (um jogador do Real Madrid) disse que achava as declarações de Ronaldo exageradas, tendo em conta os tempos de crise em que vivemos (olha, um jogador de futebol com miolos). Declarações sensatas, as do Metzelder. Isto li eu algures, na net. E a parte mais gira deste texto são mesmo os comentários: montes de gente a dizer que este Metzelder tem é inveja do Ronaldo, o que me leva a crer que Portugal é neste momento um país altamente estupidificado que só vê Ronaldo à frente. Como é que podem concordar que se deva pagar 100 milhões por um cromo que só sabe jogar à bola? Salva vidas? Constrói infra-estruturas? Ensina crianças? Não me parece...

Nota: Parece que no último jogo do Manchester, o grande Ronaldo chamou "filhos da p**a" aos adeptos da equipa adversária, o WBA, demonstrando uma vez mais todo o seu fair-play, inteligência e humildade que fazem dele um grande exemplo para os mais novos.

Nota 2: E aqueles que o defendem com unhas e dentes escusam de vir para aqui dizer que ele representa Portugal lá fora e etc,etc. Temos muitos embaixadores lá fora, que nos representam muito melhor. Pelo menos não chamam nomes às mães dos outros em público e têm uma coisa muito importante que o CR7 não tem: um cérebro que funciona.

Nota 3: Romário disse em tempos sobre Pelé: "Ele calado, é um poeta". Se há uma coisa que Ronaldo tem e alguma vez terá em comum com Pelé é precisamente isso: está bem é caladinho.

Escrito por: João Cacelas às 16:15
Ligação directa | Comentar | Os que já comentaram (18) | favorito
|
Quarta-feira, 5 de Novembro de 2008

O novo presidente do BPN

Todos já sabemos que o BPN foi nacionalizado pelo Estado e que aquilo está numa balbúrdia do catano e que praticamente todos os membros da administração estão a dar à sola, o que vocês não sabem é que o Hemiciclo já sabe quem é que o Estado escolheu para novo presidente do BPN: aquele que é considerado como um dos maiores especialistas de Portugal a resolver crises, o grande Jaime Pacheco. Uma vez mais, o Hemiciclo antecipou-se a toda a gente e conseguiu uma entrevista com o novo presidente do BPN. Aqui fica o essencial:

O Hemiciclo: Boa tarde, mister Pacheco, como encarou o convite do BPN para ser presidente?

- Jaime Pacheco: Boa tarde, olhe, encarei muito bem, estaba a comer um pratinho de tripas quando uns doutores me foram bater à porta a pedir ajuda, que estabam enrascados e que achabam que eu era o home que precisabam para orientar aquilo...

- O Hemiciclo: E o mister aceitou logo o convite?

- Jaime Pacheco: Logo, logo, num, pedi-lhes para pensar um bocado,  o que até era mentira, mas quando como tripas fico sempre com gazes, de maneiras que achei que era melhor reunir-me com os doutores num outro dia.

- O Hemiciclo: Depois de ter levado o Boavista à conquista da Liga, de estar a conseguir recuperar o Belenenses, espera conseguir voltar a colocar o BPN em alta?

- Jaime Pacheco: Penso que temos boas hipóteses, mas é como lhe digo: resolber crises é uma faca de 2 legumes porque se eu conseguir safar a situaçom, sou o máior, mas se num conseguir passo logo a ser o bode respiratório, mas já estou habituado, de maneiras que num tenho medo do desafio, e penso que estou à altura da situaçom.

- O Hemiciclo: Que medidas irá o mister Pacheco tomar nesta fase inicial?

- Jaime Pacheco: Primeiros: o amigo bai deixar-me de me tratar por mister e bai passar a tratar-me por shotôr Jaime, se faz favor, bamos lá a ter educaçom carago. Segundos: bou alterar o nome do banco para uma coisa mais à minha imagem, assim mais agressiba, em bez de ser o Banco Português de Negócios, bai passar a ser o Banco da Porrada e de Negócios. 

- O Hemiciclo: E já escolheu os novos membros da administração?

- Jaime Pacheco: Já sim senhor, pedi ao Estado o Petit, o Martelinho, o Paulinho Santos e o Binya. É malta com o perfil que eu quero dar ao BPN, malta esforçada, agressiba e empenhada!

- O Hemiciclo: Então...mas shôtor Jaime...esses são futebolistas, não sabem nada de gestão...

- Jaime Pacheco: Podem num saber nada de gestom ou lá o que isso é, mas a dar porrada num há melhor em Portugal.

- O Hemiciclo: Continuo sem entender...

- Jaime Pacheco: Bamos lá a ber: imagine que está numa reuniom com esta malta e que eles querem 60 e bocê só quer dar 40. Chega o Paulinho Santos e enfia-lhe uma cotobelada mesmo em cheio nas bistas, depois bem o Binya e escabaca-lhe a rótula toda. Boçê continua a querer dar só 40 ou vai ceder para num lebar mais porrada? Hum? Claro que cede! É uma malta muito boa para conseguir acordos bantajosos para o nosso banco. E depois tem outra: para angariar clientes, num há nada melhor que um Petit e um Binya. Basta um corte de carrinho e um pé em riste e temos logo um nobo cliente a aderir a tudo o que seja produto do banco. É ou num é uma medida do carago, hum?!

- O Hemiciclo: Vendo as coisas por esse prisma, é capaz de ter razão. Bom, acho que já está tudo, muito obrigado pelo seu tempo!

- Jaime Pacheco: Espere lá! Tenha calma home! Bocê num quer abrir conta aqui no BPN? E num quer uma conta para os seus filhos?

- O Hemiciclo: Pois...não estou muito interessado na conta e nem sequer tenho filhos...

- Jaime Pacheco: Pssst!!! Rapaziada!!! Binya e Petit!!!! Benham já aqui que temos aqui um cliente indeciso!!!

Escusado será dizer que depois desta "reunião", abri duas contas à ordem no BPN, um PPR, uma conta para os filhos que ainda não tenho, um seguro de saúde, 2 créditos à habitação e um crédito pessoal, e ainda ganhei como brinde 4 costelas partidas, uma fractura no perónio, na rótula direita e outra no maxilar esquerdo e um olho negro. E um autógrafo do Binya. Isto é que é malta que trabalha bem. 

Escrito por: João Cacelas às 15:47
Ligação directa | Comentar | Os que já comentaram (2) | favorito
|
Terça-feira, 14 de Outubro de 2008

Sai mais "miminhos" para os senhores administradores milionários, especialistas em falir empresas

"AIG e Fortis 'estoiram' dinheiro em luxo depois de saírem da falência" in Sol.

É pá, quanto a vocês não sei, mas depois de ter lido este artigo fiquei com vontade de:

a).  Agarrar nesta malta toda e pendurá-los num cabide, suspensos pelo elástico das cuecas (as deles, claro está); 

b). Amarrá-los a um poste com cabo de aço e besuntar-lhes a face com alpista e esperar que a passarada fizesse o resto;

c). Amarrá-los a um poste (também com o cabo de aço), dobrar uma folha A4 bem dobradinha e passar-lhes com aquilo por entre os dedos das suas mãozinhas, assim como quem  toca violino;

d). Fazer tudo o que já escrevi nas alíneas anteriores e obrigá-los a ver o programa do Goucha.

 

Escrito por: João Cacelas às 12:21
Ligação directa | Comentar | Os que já comentaram (14) | favorito
|
Quarta-feira, 1 de Outubro de 2008

Serviço de apoio ao bandido

O Governo lançou recentemente o CLS (Contrato Local de Segurança), um "pacote" de "serviços" que contém videovigilância e linhas de apoio. Tudo para tentar aumentar a segurança das autarquias e dos seus bairros. Tudo muito bem, sim senhor. O que os tipos do Governo e das autarquias ainda não sabem é que a bandidagem, esperta e bem-prevenida como é, também já criou a sua "espécie de CLS, o LAM (Linha de Apoio ao Meliante), criada para ajudar os bandidos em situações complicadas e chatas. O LAM é uma linha de apoio ao bandido que funciona 24 horas por dia e que pretende apoiar e ajudar a malta que pratica o crime em situações mais chatas. Além disso, serve também para ajudar e ensinar qualquer pessoa que se queira iniciar no (cada vez mais) prolífero mundo do crime. É mais ou menos isto:

- LAM, Linha de Apoio ao Meliante, boa tarde. Em que lhe posso ser útil?

- Olhe, boa tarde! Então é o seguinte: eu queria ser ladrão, mas não sei bem o que fazer para começar o negócio, será que me podia ajudar?

- Posso sim. Estou a falar com?

- Carlos Miguel.

- Então e o senhor Carlos quer fazer o quê ao certo? 

- Eu estava a pensar em fazer assaltos à mão armada, acha que pode ser?

- Pode sim, senhor Carlos! - E o que é que eu preciso?

- Em primeiro lugar, o senhor tem que se deslocar a uma loja de lingerie...

- De lingerie?! Mas eu quero fazer assaltos pá!! Não quero andar a fazer de bichona!!

- Tenha calma senhor Carlos...vai à loja para comprar meias de lycra, para tapar a cabeça.

-Aaah, então se é para isso está bem! 

- Mas têm que ser de lycra, que é para você ver bem, entende?

- Sim, sim. E mais?

- Depois vai a Chelas e pergunta por um senhor chamado Cajó. Ele vende armas e há-de lhe arranjar uma a bom preço.

- Ei lá! Comprar armas na rua?! Mas isso não é crime?

- Não se preocupe senhor Carlos! O Cajó é de confiança e só tem armas do melhor e todas com licença. Ele costuma ir "abastecer-se" à esquadra da PSP de Chelas.

- Ah, se é assim, então está bem!

- E mais uma coisa: o senhor Carlos já é sócio do nosso Clube?

- Ah, não. Mas isso é obrigatório?

- Não. Mas ganha vantagens exclusivas ao ser nosso sócio.

- Diga, diga!

- Damos-lhe uma pistola de calibre 9 mm, para que possa roubar à vontade, um pack de 25 meias de lycra, um advogado para o caso de algum trabalho lhe correr mal, uma conta offshore na Suíça, onde pode depositar o dinheiro dos seus assaltos sem problemas e assistência de 24 horas para o que precisar. E tudo isto por apenas 250 Euros mensais!

- 250 Euros por mês?! Não! Vocês são mas é uns grandes ladrões!

- Pois somos, senhor Carlos. É a nossa profissão. Mas olhe que o Vale e Azevedo é nosso sócio e veja lá se ele não se tem safado bem? Se bem que o sacana já não nos paga a mensalidade do Clube vai para 10 meses...

- É pá, realmente, se o Vale e Azevedo é vosso sócio e se depois de todas as aldrabices que fez ainda não foi preso...é porque o vosso serviço deve ser mesmo do melhor. Pode ser então!

- Muito bem senhor Carlos! E esqueci-me de referir que, quando o senhor acumular 5000 Euros em assaltos, ganha um vale no valor de 1000 Euros a descontar em qualquer hipermercado Continente e nas bombas de gasolina da Galp! 

- Isso é bom, é! Ao preço a que anda tudo...qualquer dia anda tudo a roubar...

 

E é mais ou menos. E da maneira como Portugal se anda a compor, não tarda muito que apareçam mais senhores Carlos por aí, que tenham que roubar para pagar as suas contas...

 

Escrito por: João Cacelas às 16:58
Ligação directa | Comentar | Os que já comentaram (4) | favorito
|

.Os oradores:

.Translator (para coisinhos de outros países e planetas)

.Abril 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
13
14
15
16
17

18
19
20
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.Caso queira pesquisar sobre coisas, assuntos ou temas:

 

.Intervenções mais velhotas, assim a cheirar a mofo:

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

.Intervenções recentes:

. Parece que agora a crise ...

. Mais uma pérola do CR7

. O novo presidente do BPN

. Sai mais "miminhos" para ...

. Serviço de apoio ao bandi...

.tags

. todas as tags

.Cuscas e cuscos (ladies first)

Counters
Counters
Creative Commons License
O Hemiciclo by João Cacelas is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a Obras Derivadas 2.5 Portugal License.

.O meu e-mail, ou melhor emel. Caso queiram deixar alguma sugestão ou crítica, enviem para aqui:

joao_cacelas@hotmail.com

.subscrever feeds